RELAÇÕES COMPLEXAS ENTRE AS FUNÇÕES HIPERBÓLICAS E A TRANSMISSÃO DE ENERGIA

Luiz Bizerra de Aguiar

Resumo


 Este artigo mostra e analisa as relações entre as funções hiperbólicas e o fenômeno de transmissão de energia elétrica. Faz breves considerações sobre as concepções dos números complexos, das funções trigonométricas, das funções hiperbólicas e, principalmente, da identidade de Euler, estabelecendo as relações complexas entre esses tipos de funções. Mostra como os estudos físicos da eletricidade e da energia elétrica apontaram para expressões matemáticas que resultaram em relações complexas. Na transmissão de energia essas relações envolvem as funções hiperbólicas e trigonométricas, reais e complexas, que permitem avaliar as tensões e as correntes, assim como a capacidade de transporte de energia das linhas transmissão. Os resultados encontrados deram contribuições significativas para o desenvolvimento da engenharia elétrica de potência.


Palavras-chave


Funções Hiperbólicas. Fórmula de Euler. Transmissão de Energia.

Texto completo:

PDF

Referências


AGUIAR, L. B. Um Estudo de Colapso de Tensão em Linhas de Transmissão de Energia Utilizando as Constantes Generalizadas e Gráficos Tensão x Potência e Diagramas Hiperbólicos. 57 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal da Bahia, Salvador, 2011.

AGUIAR, L. B. Colapso e Instabilidade de Tensão em Transmissão de Energia Elétrica. Revista Cientefico, v. 15, n. 31, Jul./Dez. 2015. Disponível em: . Acesso em 01/04/2017.

BOYER, Carl B. História da Matemática. Editora Edgard Blucher, São Paulo,1989.

DALLA VERDE, A. Calculos Electricos de Grandes Lineas de Transmision. Libreria y Editorial Assina: Buenos Aires, 1953.

ELGERD, O. Electric Energy System Theory: An Introduction. McGraw Hill, 1971.

LEHMANN, Charles H. Analytic Geometry. J. Wiley & Sons, Inc., N.Y. 1942.

HALLIDAY, D.; RESNICK. R. Física. 1. ed. Editora: Livros Técnicos e Científicos, Rio de Janeiro, 1966.

STEVENSON JR., W. D. Elementos de Análise de Sistemas de Potência. 2. ed. McGraw Hill: São Paulo, 1986.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1677-1591 (versão impressa) e ISSN 1677-5716 (versão on-line).